Sindicato Nacional da Indústria de
Trefilação e Laminação de Metais Ferrosos

Filiado a FIESP

Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017






Associe-se!
Clique aqui e conheça as vantagens

Setor de guindastes perde R$ 17 bilhões com concorrência estrangeira

O setor de equipamentos pesados, como guindastes, estima perder R$ 17 bilhões de faturamento por ano com a concorrência de estrangeiras que trazem maquinário provisoriamente para obras. Pela normas, a locadora de outro país traz os aparatos para o Brasil pagando alíquota mensal de 1% nos cem meses em que pode atuar aqui.

   As brasileiras alegam que as regras de importação por tempo determinado das máquinas favorecem a empresa de fora. “Os impostos pela internação temporária deveriam ser pagos em até 20 meses, ou cerca de 5% ao mês, como acontece em outros países”, diz José Aparecido Bastazini, do Sindipesa (entidade do setor).

O segmento faturou R$ 3 bilhões em 2015, mas tem potencial para movimentar R$ 20 bilhões, diz. “O Brasil também deixou de emitir laudo de avaliação do que é importado. As empresas de fora declaram qualquer preço para pagar menos impostos.”

Em nota, a Receita Federal afirma que as regras, quando alteradas em 2015, trouxeram maior clareza ao procedimento e foram, na época, submetidas a um extenso processo de consulta pública.

“Na prática, a concorrência é desleal, as estrangeiras têm margem para cobrar até 20% menos. É inviável para nós”, avalia Júlio Eduardo Simões, presidente da Locar, que disponibiliza máquinas.

A locadora, que tem cerca de 2.000 clientes, perdeu mais da metade dos funcionários de um ano para o outro. “Tudo está parado agora, mas 2017 pode ser melhor.”

Fonte: Folha de São Paulo

continue lendo:

Gerdau realiza seu primeiro Hackathon em São Paulo

Erico Abdala

Os estudantes interessados em participar do primeiro Hackathon Gerdau têm até o dia 13 de junho para fazerem suas inscrições.

A Gerdau é uma das referências no ramo da siderurgia em todo o mundo. A empresa realizará pela primeira vez uma maratona para o desenvolvimento de soluções tecnológicas inovadoras — Hackathon Gerdau. O evento, realizado em parceria com a Faculdade de Informática e Administração Paulista (FIAP), acontecerá nos dias 25 e 26 de junho, na sede da universidade, localizada na Avenida Paulista (mapa).

Serão 48 horas de uma experiência de colaboração, conhecimento, inovação e muita criatividade para produzir projetos que atendam ao desafio proposto pela companhia. A maratona reunirá cerca de 60 pessoas, entre estudantes de graduação, pós-graduação e MBA das áreas de tecnologia, design, negócios e engenharia. Os participantes serão divididos em grupos e juntosdesenvolverão uma estratégia comercial para prospecção de negócios e reforço do relacionamento com os clientes.

Durante o Hackathon Gerdau, os cenários de atuação e o foco das soluções serão o desenvolvimento de aplicativos, análise de Big  Data, Gamificação, Digitalização de canais de relacionamento proativa, uso de API’s, sensores e plataformas de iOT, realidade virtual aumentada e customer experience.

A avaliação das soluções desenvolvidas levará em consideração aplicabilidade, inovação, criatividade, viabilidade comercial e adequação ao desafio. O projeto vencedor do Hackathon Gerdau poderá ser incubado pela empresa e implementado pela área de marketing e vendas da companhia. Os responsáveis pela proposta serão premiados com smartphones e com cursos focados em tecnologia, inovação e negócios.

Os interessados em participar para a primeira edição do Hackathon Gerdau, poderão se inscrever até o dia 13 de junho no site www.hackathongerdau.com, onde também está disponível o regulamento do evento. (Showmetech)

Fonte: Assessoria de Imprensa

Redação On junho - 16 - 2016
  • Central de atendimento
  • Telefone: (11) 3285-3522 / e-mail: sicetel@sicetel.com.br
Associe-se!
        Clique aqui
Cadastre seu e-mail e receba periodicamente notícias do SICETEL.